Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fabuleux destin d'Ana

Não existe lugar para o acaso ...

Fabuleux destin d'Ana

Não existe lugar para o acaso ...

Sul (em mais um xxl)

Rumo ao sul ... (cada vez mais sul ...)

Para a vila que é nova e que tem mil fontes.

Qualquer Sul tem uma mágica estranha que se entranha na pele !!!

- com o  todo respeiro pelo Norte.

 

Para mim, o meu Além Tejo é um re-nascer constante em cada suspiro...

 

00:00/Nasceu um sonho

Ontem - 00:00 estava eu aqui (Largo do Carmo) ...

Entre cravos e espinho ainda acredito no sonho !!!

A Grândola será sempre uma vila morena,

E o povo ainda é quem mais ordena - mesmo quando não sabe

(ou se esquece ou faz de conta que não quer saber)

 

... entre palavras de ordem velhinhas, e agitadores de faz de conta,

É importante jamais esquecer, a vontade a força a determinação

Do meu sempre muito querido - Salgueiro Maia:

- o querer/ser de um Abril de ha 35 anos.

final do dia - today ...

 

 

 

 

 

Hoje a avo do Mário (re)lembrou-me de que a água do mar faz milagres ...

E trás dessa (re)lembraça ...

Veio a memória (como gosto eu de memórias)

De que a Água do Caneiro/Califórnia é a cura para todos os males.

 

 

 Esta deveria ser a fonte dos milagres ... (como gosto eu de histórias)

It´s Okay to think About Ending

 

Hoje não me apetece mudar o mundo …
Porque o mundo não me muda a mim!!!
Quero só ficar, para aqui, ou para ali ou ainda para acolá…
A vontade de ir, de criar, de inovar de simplesmente ser
Afugentou-se de mim…
Nem me dei ao trabalho de correr atrás dela …
Alias, nem a chamei !!!
Na próxima vez que alguém me escrever, ler, dizer
Que devemos seguir os nossos impulsos,
Garanto que lhe viro costas!! Para nunca mais lhe falar.
(o nunca mais para  mim não existe, trata-se dramatismo puro)
Hoje nem de roupa vou trocar !!!
 

- existem coisas que mesmo escritas já algum tempo tem um sentido brutal

paz (algo parecido)

Da minha janela vejo ...

 

Longe dos olhares conhecidos,

 

E dos medos habituais (mesmo os mais simples)

 

Aqui encontro-me, nesta paz para Além + Tejo

 

O que o amanha vai trazer ? Que importa isso agora,

(se existe sempre uma rua, uma indicação de um lugar melhor)

 

mais uma rodada ...

 

 

Fui ao cinema ...

Desde que tenho um cartão (magico por sinal) que oferece um bilhete ...

(é-me difícil não ir lá parar todo o fim de semana)

Claro que isto para mim é novidade,

Visto que eu raramente via um filme no grande Ecrã!

Contudo, entre uma e outras experiencia menos boa,

Este fim-de-semana fui apanhada desprevenida.

Depois de pouco olhar para os cartazes,

Escolhi aquele que pensei não me dar muito trabalho

(não me apetecia pensar)

E sai de lá com um sorriso de orelha a orelha …

Como vontade de dançar  e afogar o novo telemóvel

Sim, a banda sonora é fantástica

(É a que esta a ser “sacada”)