Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fabuleux destin d'Ana

Não existe lugar para o acaso ...

Fabuleux destin d'Ana

Não existe lugar para o acaso ...

Moi pour lui dans la vie (...)

Alguem disse (uma vez) que só se vive realmente quando se morre em Paris...

 

 Eu , morri no dia em que lá cheguei !!!

 (Faz hoje um ano)

Pois, sabia que tinha que regressar ...        

                                               
" Em Paris podemos perder a cabeça, mas, jamais o caminho"
Oscar Wild

A minha cidade, 


A minha verdadeira paixão ...


A minha,  e somente minha,  a Paris !!!

 


2º feira ...

E assim ele chega ...

devagar, devagarinho ...

como quem chama por mim!

Ouço-o, viro-me para o lado...

( o meu cabelo, esta bem? )

xiuuuuuuu, Cotovia que cantas do lado de fora da janela.

truz, truz ... ( oh não)

Olá bom dia - diz-me ele!

...  e eu morro de amores!

 

e hoje ...

Hoje tive a certeza que Ele ...

Que Ele .... enfim , Ele !!!!

(não sei bem como dizer isto ....)

Hoje, Ele disse ...

algo assim, diferente !!!!

e eu percebi ...

 por isso fiquei feliz!

aquilo que  Ele me estava a dizer ...

mesmo sem palavras,

e pronto,

Ele disse !!!

Bela, Flor + Bela = FlorBela

Morreu a mulher que ensiou

poesia ao Pai ...

Mas, a Flor...

continua bela ...

e a poesia continua por aqui !!!

A mulher, essa morreu ...

penso que partiu sem saber o

quanto era importante para mim.

Espero encontra-la numa outra vida ...

Até lá ...